Portal Revista Opinião

Caminhão baú arrasta fiação e derruba poste sobre dois veículos no centro de José de Freitas

Matéria publicada em, 8 de julho de 2020

Por: Chagas Silva, Repórter

Um caminhão Baú do grupo Elizeu Martins Distribuidora, provocou um acidente com danos materiais na tarde desta terça-feira (07 de Julho 2020), em José de Freitas, após arrastar uma fiação e quebrar um poste de cimento da Equatorial Energia Elétrica, e atingir um ônibus da empresa Viação Bons Amigos e um veículo de passeio modelo Gol, cor branco, ambos pertencente ao senhor Cruz.

O episódio aconteceu por volta das 15h na Rua Pacífico Fortes, ao lado da escola CeTi Antônio Freitas, antigo Ginásio, nesta cidade. Segundo informações colhidas no local, uma fiação da Telemar Telecomunicações teria enganchado na parte superior do baú, oportunidade que foi arrastado pelo veículo de carga, com a força do caminhão o poste não resistiu e quebrou, caindo sobre o automóvel gol, atingindo também o ônibus que estavam estacionado no acostamento da rua.

O Senhor Cruz, proprietário dos veículos, informou que o prejuízo é altíssimo, pós destruiu o para-brisa do seu automóvel de passeio e trincou o para-brisa do ônibus. Cruz relatou ainda, que escapou por sorte, segundo ele, costuma descansar todas as tardes no local, dentro de uma Van também da sua propriedade, e na tarde do ocorrido precisou se deslocar para Teresina, deixar duas passageiras, por isso, não estava no local na hora do incidente com o poste.

Senhor Cruz, proprietário dos veículos danificados

Além dos veículos danificados, cabos da Telemar e da Equatorial Energia, cujo prédio fica próximo ao local do incidente, se romperam, deixando as residências do entorno sem o fornecimento de energia elétrica e sem os serviços oferecidos pela empresa de telecomunicações. A noite uma equipe da empresa Equatorial, estava trabalhando no local para fazer o concerto da rede e normalizar o fornecimento de energia elétrica para as casas atingidas. O motorista do caminhão se comprometeu em arcar com as despesas.


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO