Portal Revista Opinião

Sacoleira é presa após matar o próprio marido com duas facadas em José de Freitas

Matéria publicada em, 9 de maio de 2022

A sacoleira Maria de Jesus da Conceição, 34 anos de idade, mais conhecida como “Dijer” foi presa por uma guarnição da polícia militar do 16° BPM, acusada de matar o próprio companheiro, José Ronaldo Gomes Pinheiro, 37 anos de idade, que morreu após ser sofrer duas facadas no torax, crime ocorrido dentro da própria casa na qual o casal morava no Bairro Suco de Uva em José de Freitas-PI.

Sacoleira Maria de Jesus, 34 anos, acusada

Segundo informações colhidas junto a polícia militar, o casal tinha histórico de constantes desentendimentos e brigas, que culminava inclusive em agressões, e por volta das 00h30min, desta segunda-feira, 9 de maio de 2022, o casal teve mais uma discussão e durante o episódio José Ronaldo teria tentado contra a vida dela novamente, utilizando com uma arma branca, oportunidade que a mesma conseguiu pegar a faca e desferiu duas facadas no seu agressor, que morreu em seguida no chão da própria residência.

Vítima José Ronaldo Gomes, 37 anos

Populares disseram que a vítima, José Ronaldo tinha problemas com álcoolismo e sempre que bebia agredia sua companheira Maria de Jesus. De acordo com relatos, a polícia militar já havia atendido em outras oportunidades ocorrência de violência doméstica contra ela na mesma casa onde os dois moravam. Não se sabe os motivos das brigas entre os dois, porém tem indícios de álcoolismo e ciúmes da parte dele.

Policiais militares do 16° BPM relataram para o revistaopiniao.com, que ao chegar no local juntamente com o SAMU, José Ronaldo estava ensanguentado e já sem vida caído no chão do imóvel, a mulher confessou o crime e acrescentou que agiu em legítima defesa. Após a prisão a acusada foi levada para a Central de Flagrantes em Teresina, onde foi autuada em flagrante pelo crime de homicídio. O corpo foi levado para o IML em Teresina.


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO