Portal Revista Opinião

Morre em José de Freitas comerciante baleado durante assalto em José de Freitas

Matéria publicada em, 19 de janeiro de 2022

Após seis anos de muito sofrimento e com vários problemas de saúde em consequência um tiro que sofreu durante um assalto em José de Freitas, o comerciante aposentado Demeval Martins Sales, 63 anos de idade, não mais resistiu e faleceu na madrugada desta quarta-feira 19 de janeiro 2022, em um cômodo de sua própria residência localizada na Rua do Livramento, bairro Suco de Uva nesta cidade.

No início da noite do dia 19 de Maio de 2015, o comerciante estava sentado na calçada de sua casa em José de Freitas, quando foi abordado por um indivíduo armado que anunciou o assalto, chegando a subtrair um total de mil reias, o comerciante ainda tentou evitar o roubo, porém foi baleado na boca, cujo projétil destruiu sua dentadura e ficou alojada na nuca da vítima, trazendo várias seqüelas para a saúde do comerciante, que ficou sobre cuidados da familia.

Rua do Livramento em José de Freitas

Na época do crime, com ajuda de imagens de câmara de segurança, a polícia chegou a identificar e prender um suspeito do crime, identificado como Marcos Vinicius, vulgo (Pescoço). Demerval ficou hospitalizado vários dias por conta do tiro, porém os médicos que o atenderam optaram por não retirar o projétil do corpo do comerciante que faleceu com a bala alojada na nuca.

Marcos Vinicius, vulgo (Pescoço) acusado

O velório está acontecendo na Capela de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, Bairro Suco de Uva. As 14h o corpo será levado para a comunidade Felicidade deste município, onde será sepultado. O comerciante era bastante conhecido e querido em José de Freitas

Capela de Nossa Sra. Perpétuo Socorro

Pescoço, principal acusado de atirar no comerciante, atualmente cumpre pena em um presídio do Estado, após ser condenado a 20 anos de prisão por crime de homicídio nesta comarca.


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO