Portal Revista Opinião

Trio morto no Maranhão é acusado de assaltar bancos de José de Freitas

Matéria publicada em, 24 de setembro de 2015

Três pessoas foram mortas na cidade de Estreito no Maranhão, na madrugada desta quinta-feira(24), durante troca de tiros com policiais maranhenses. Os homens são suspeitos de realizar assaltos a banco, nas cidades de Itaureiras, José de Freitas e Palmeirais no Piauí. Com eles foram encontrados três fuzis AK47.

fuzis

O secretário de Segurança, Fábio Abreu, informou que a quadrilha costumava agir com muita violência, causando pânico aos moradores da cidade e normalmente explodindo caixas eletrônicos.

O grupo foi morto, durante uma operação da Polícia Civil-MA, por intermédio da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc) e Superintendência Estadual de investigações criminais (Seic), que interceptou o bando fortemente armado entre as cidades de Porto Franco e Grajaú-MA e teriam trocado tiros com a polícia. Segundo a polícia, os alvos iriam assaltar nesta quinta(24), o banco da cidade de Grajaú.

Os suspeitos foram identificados como: Jonh Lennon da Silva, Diego Saboia e um terceiro conhecido como Ferramenta.

Para Fábio Abreu, a morte de Jonh Lenon representa a desarticulação completa da quadrilha, porque ele era suspeito de chefiar o bando. Outras três pessoas já tinham sido mortas, suspeitas de integrar o mesmo grupo. “O problema é que o Jonh Lennon sempre conseguia reunir mais pessoas e continuar os crimes”, declarou.

A polícia informou que eles são suspeitos dos assaltos a bancos de São Domingos, Tutóia, Parnarama, além de outras ocorrências no Pará e no Piauí.

Fonte: cidadeverde                        Imagem: difusora.com


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO