Três policiais rodoviários federais são presos acusados de suborno no Piauí

Matéria publicada em, 27 de abril de 2012

A Polícia Rodoviária Federal prendeu nesta sexta-feira (27) três policiais rodoviários suspeitos de praticar suborno e desvio de conduta. O inspetor da PRF, Raimundo Rameiro, informou que a Corregedoria da Polícia Rodoviária Federal abrirá inquérito criminal para apurar os fatos.

O Portal GP1 apurou que os suspeitos são Antônio Gramosa e Eduilson, lotados no posto da PRF em Floriano, e J. Alberto, lotado no posto de São João da Fronteira, próximo a cidade de Piripiri. Os nomes dos presos foram confirmados pelo inspetor Raimundo Rameiro.

“Eles são acusados de concussão, usar a função em benefício próprio, exigindo dinheiro ou vantagens. Caso sejam condenados a pena é de reclusão de dois a oito anos, mais multa. Um inquérito administrativo também será aberto”, disse Rameiro

As prisões foram feitas para execução de Ordem de Missão do Departamento de Polícia Rodoviária Federal. Eles foram encaminhados à sede da Polícia Federal, Superintendência do Piauí, para as providências legais e devem ser transferidos para uma das celas do Quartel do Comando Geral. O inquérito criminal aberto hoje, deve ser concluído em 30 dias.

Fonte: GP1


Revista Opinião