Portal Revista Opinião

Timão bate o Figueira, mas Vasco vence no final e decisão do título fica para a última rodada

Matéria publicada em, 27 de novembro de 2011

Pela quarta vez consecutiva, o Campeonato Brasileiro será decidido na última rodada. O Corinthians fez a parte dele e bateu o Figueirense por 1 a 0, mas a dramática vitória do Vasco sobre o Fluminense por 2 a 1, no Engenhão, atrapalhou a festa paulista em Florianópolis. Liedson fez o gol o que manteve as boas chances de ser campeão e complicou o sonho catarinense de se classificar pela primeira vez à Taça Libertadores.

Jogadores do Corinthians aguardam fim de Vasco x Fluminense Foto: g1

Os mais de seis mil corintianos presentes no estádio Orlando Scarpelli já comemoravam o título quando Bernardo marcou no Engenhão, aos 45 minutos do segundo tempo, e empurrou a decisão para o próximo domingo. A matemática, contudo, ainda é simples: com 70 pontos, dois a mais que os vascaínos, o Timão precisa apenas não perder para o arquirrival Palmeiras, no próximo domingo, às 17h, no Pacaembu, para ficar com a taça pela quinta vez em sua história.

Em caso de empate corintiano e vitória cruz-maltina sobre o Flamengo, no mesmo horário, os dois concorrentes empatarão em pontos, mas os paulistas levarão vantagem no número de vitórias (atualmente, 21 a 19). Até uma derrota para o Palmeiras pode ser suficiente, desde que o Vasco não vença.

Jogo do Vasco

O Vasco tinha pouco mais de quatro minutos para fazer um gol e evitar o título antecipado do Corinthians. Fez. Com a dose de superação que se tornou peculiar no time em 2011, Bernardo marcou o gol da vitória por 2 a 1 sobre o Fluminense aos 45 minutos do segundo tempo e manteve acesa a chance de título brasileiro.

Jogadores do Vasco comemoram durante o clássico

O time cruz-maltino chega aos 68 pontos contra 70 do Timão. Na última rodada, o futuro campeão será decidido à base de rivalidades. Vasco e Flamengo duelam no Engenhão, e Corinthians e Palmeiras se enfrentam em São Paulo.

Para levantar o quinto Brasileirão de sua história, o Vasco precisa vencer o maior rival e torcer para o Corinthians perder o seu duelo regional. Mas a calculadora ficou em segundo plano depois do jogo deste domingo.

Fonte: g1


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO