Território dos Carnaubais validam política de Resíduos Sólidos

Matéria publicada em, 20 de janeiro de 2012

A Secretaria Estadual das Cidades (Secid) reuniu prefeitos e representantes de 16 municípios pertencentes ao Território dos Carnaubais, nesta quinta-feira (19), para discutir o Plano de Regionalização da Política de Resíduos Sólidos. No encontro, os gestores tiraram dúvidas quanto à política e assistiram a explicações da equipe da secretaria responsável pela implantação do plano.

Campo Maior, Paulo Martins e o Secretário Estadual das Cidades Merlong Solano

 

O secretário Merlong Solano, participou ativamente das discussões. O prefeito de Campo Maior, Paulo Martins, participou da abertura dos trabalhos. “Espero que todos que estão aqui entendam da importância que representa o plano para a sociedade. Nada mais apropriado que a Secid, para fazer essa parceria conosco. E que em 2014 o plano já esteja consolidado”, declarou o prefeito.

José Salu, prefeito de Cocal de Telha foi um dos que assinaram a ata de validação. Todos os gestores receberam material explicativo para que todas suas dúvidas fossem sanadas antes de assinarem o termo.

Consórcios Públicos

O Território dos Carnaubais abrange uma área de 19.636,40 Km² e é composto por 16 municípios: Boa Hora, Boqueirão do Piauí, Buriti dos Montes, Cabeceiras do Piauí, Campo Maior, Capitão de Campos, Castelo do Piauí, Cocal de Telha, Jatobá do Piauí, Juazeiro do Piauí, Nossa Senhora de Nazaré, Assunção do Piauí, Novo Santo Antônio, São João da Serra, São Miguel do Tapuio e Sigefredo Pacheco. Prefeitos do Território dos Cocais e Planície Litorânea já validaram o plano.

Os municípios que fazem parte de um mesmo território serão reunidos em Consórcios Públicos, onde uma cidade será a sede de recebimento dos resíduos para a sua devida condução e tratamento. A validação do projeto pelos prefeitos é o primeiro passo para que a realidade de gerenciamento do lixo que existe hoje, possa ser mudada e garantir benefícios para os piauienses.

O Plano de Regionalização da Política de Resíduos Sólidos parte de uma Lei Federal que foi instituída para que haja um gerenciamento adequado dos resíduos sólidos produzidos. O Brasil tem até 2014, para se adequar à essa política que prevê o fim dos lixões a céu aberto em todo país.

Fonte: cidadeverde                      Foto: portalcampomaior


Revista Opinião