Sucesso de público e crítica, 1º Salão do Livro marca sociedade josedefreitense

Matéria publicada em, 12 de julho de 2016

Aconteceu de 7 a 9 de julho em José de Freitas, o 1º Salijo – Salão do Livro de José de Freitas, que homenageou Francisco Gil Castelo Branco, filho ilustre do município e autor de “Ataliba, o vaqueiro”, sua obra mais famosa.

salijo bne

Foram três dias de muita cultura: palestras, bate-papos literários e pedagógicos, declamação de poesias, apresentações teatrais, shows musicais, exposição de obras plásticas de artistas da terra, visitação às livrarias, venda de comidas típicas e muita descontração.

Assista à peça “E agora, José?” com alunos do CEET Ferdinand:

Na noite do dia 7 de julho, a abertura do Salijo ficou por conta do escritor, letrista e conferencista Salgado Maranhão, com a palestra “O poeta que nasceu numa casa onde não havia livros”. Depois, se apresentaram o cantor Bolica e as bandas Aloha e Validuaté. Centenas de pessoas compareceram à abertura. “Um evento precioso, com a marca que ja é característica do povo piauiense, a hospitalidade e o entusiasmo. E outros virão”, disse o escritor José Salgado Maranhão.

Salgado Maranhão
Salgado Maranhão

Com o objetivo de disseminar a paixão pelos livros aos habitantes do município, sobretudo, entre as crianças e os jovens, o Salijo foi sucesso de público e crítica nos três dias de acontecimento.

Além de Salgado, palestras importantes foram ministradas por professores, poetas, músicos e escritores, como Ernâni Getirana, Professor Pedro Paulo, Socorro Saraiva, Cinéas Santos, Wellington Soares, Jasmine Malta,  Luiz Romero, Edwar Castelo Branco, Hildalene Pinheiro, Jonas Moraes e Alfredo Werney. Se apresentaram também as bandas Validuaté, Aloha, Sampop e os cantores Ana Sofia, Bolica e Soraya Castelo Branco.

Hildalene Pinheiro
Hildalene Pinheiro

“Eu me senti honrada em participar de um evento tão maravilhoso. Que venham mais salões de livro. Parabéns, Wellington Soares e toda a equipe de organizadores de José de Freitas, e parabéns ao deputado João de Deus, pela emenda parlamentar de incentivo à cultura e à educação”, ressaltou Hildalene Pinheiro, uma das conferencistas que falou sobre a Redação no Enem, voltada especialmente para o público estudantil.

Estiveram dando sua contribuição ao evento com valiosos bate-papos e outras participações, professores, autores e artistas, como Amparo Holanda, Erica Fontes, Ana Maria Cunha, Déborah Aviaras, Hugo Leonardo, Vera Regina Saraiva, Nildes Sousa, Regina Lúcia Barbosa, Rejane Carvalho, Gilmar Leite, Aliny Cardoso, João Oliveira, Erimar Oliveira, Maria Nascimento, Mimi e Antonio Francisco. “Foi realmente um momento muito especial. Estar com pessoas que eu gosto e contribuindo para a difusão da literatura e o gosto pela leitura. Estar contribuindo para a evolução destes jovens é maravilhoso”, disse a escritora Ana Cunha.

Ana Cunha
Ana Cunha

Quem ganhou uma programação especial no Salijo foi a criançada de José de Freitas. Além do grupo infantil de flautistas SoproArte, dos professores Mimi e Nascimento, Chagas Vale e Talita Do Monte comandaram as manhãs com “As Aventuras de Casimiro Coco” e outros espetáculos. Crianças e adultos adoraram.

Chagas Vale
Chagas Vale

O evento foi realizado através de uma emenda do deputado João de Deus Sousa e organizado pela Supervisão de Ensino e pelas escolas estaduais do município de José de Freitas, e aconteceu na Escola Antonio Freitas, no centro da cidade. Destaque para a equipe gestora da Escola Antonio Freitas, sede do evento, formada pelas diretoras Hilda Luz e Socorrinha Coelho e as coordenadoras Livramento Carvalho e Ana Dalívia.

 

Foto JF1
Foto JF1
Foto: Jf1
Foto: Jf1

No final, foram premiadas as seis melhores redações numa seletiva realizada apenas com alunos da rede estadual. Entre os prêmios, smartphones, tablets e coleções de livros. O evento contou com a presença ilustre da senadora Regina Sousa.

CAPA

VEJA MAIS IMAGENS DO EVENTO:

1

2

3

4

5

6

7

2

1

2

1

2

1

1

2

3

SORAYA

4

1

2

3

42

Da Redação                                                Imagens: Cícero Filho – Direitos Reservados


Revista Opinião