Sindicato promete intensificar a fiscalização dos gastos públicos em 2012 no combate à corrupção

Matéria publicada em, 13 de dezembro de 2011

É no combate à corrupção envolvendo os recursos federais que a Unacon/sindical (sindicato dos trabalhadores da Controladoria Geral da União – CGU) tem trabalhado de forma intensa desde 2003. No Piauí, o presidente Rudinei Marques fez uma avaliação das principais ações no combate a este mal que tanto afeta o país.

Rudinei Marques

Segundo o presidente, um dos principais motivadores da corrupção exagerada é o sentimento de impunidade de quem a pratica, pois as leis e a morosidade processual contribuem para isso. Alia-se também a falta de senso crítico da sociedade, sobretudo dos eleitores, que não fiscalizam, não denunciam e acabam elegendo sempre os mesmo políticos, muito até já com condenação.

“Desde 2003, quando o sindicato entrou para valer nesta briga já fizemos mais de 120 operações, muitas em parcerias com o Ministério Público Federal, com a Polícia Federal e com as controladorias dos estados. Nestas operações pelo menos 2.200 casos de corrupção com o dinheiro público foi encontrado. O rombo chega aos R$ 7 bilhões e, infelizmente, o que se recupera é apenas 20% deste total”, explica o presidente Rudinei Marques.

FICHA LIMPA
Para o Rudinei, a aprovação e aplicação da Lei Complementar 135/2010, a conhecida lei da Ficha Limpa, é uma das esperanças para evitar que políticos corruptos e que já tenham condenação voltem a participar de eleições e sejam eleitos. Outro mecanismo que ajuda, relata, é a divulgação de atos de corrupção praticados por gestores. “Já vi muitos caos de políticos não se reelegerem porque tiveram seus nomes envolvidos em casos de corrupção e desvio de dinheiro público, mas a sociedade tem que ser mais crítica e estar mais atenta”, emenda Rudinei Marques.

LUTAS DA UNACON/SINDICAL
Em termos de bandeiras de luta do sindicado dos trabalhadores da CGU, Rudinei disse que alguns pontos são prioridades para 2012.

Da Redação                          Fonte: 180graus


Revista Opinião