Portal Revista Opinião

Projeto prevê premiação para polícia que reduzir criminalidade no PI

Matéria publicada em, 15 de agosto de 2015

A Secretaria de Segurança do Piauí está elaborando um projeto de lei para tentar diminuir os índices de violência e criminalidade nos bairros, oferecendo uma bonificação mensal para as instituições policiais que conseguirem atingir a meta de redução de ocorrências que será estabelecida pelo governo para cada localidade.

fabio-abreu-315229

O secretário de segurança Fábio Abreu explicou que o projeto deve ser enviado para aprovação na Assembleia e que serão analisados os índices de criminalidade em cada região da cidade para que seja possível estabelecer uma meta. “A ideia é fazer um levantamento nos bairros, e a partir desse levantamento, podermos estabelecer uma meta mínima para que os órgãos policiais, tanto civis como militares, assim como o Corpo de Bombeiros, se houver uma unidade instalada na região, tentem diminuir os números”, explica. Fábio acredita que o projeto seja concluído ainda este ano.

Ele acrescenta que, caso consigam baixar os índices de crimes, eles receberão uma bonificação pecuniária, que vai ser acrescida ao salário, no mês posterior ao que baterem a meta, cujo valor ainda não está definido. “É um projeto que pode ser comparado aos do programa Pacto pela Vida, do governo federal, que dá gratificações aos policiais de outros Estados que conseguem reduzir os números de crimes nas localidades em que atuam”, afirmou.

Ontem pela manhã (14), o secretário participou da inauguração do Complexo de Delegacias na cidade de Parnaíba, que vai integrar os 1º e 2º Distrito Policial da cidade e as Delegacias Regional, da Mulher e do Menor. Ele falou da importância da integração das forças policias, (civil e militar), para atuarem em conjunto e que isso, sem dúvidas, ajuda a conter os números de violência. Hoje Parnaíba completa 171 anos de emancipação política e o governador Wellington Dias também participou de atividades e solenidades cívicas alusivas à data.

Da Redação                                     Fonte: cidadeverde.com


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO