Presidente Dilma é recebida com protestos de professores em Teresina

Matéria publicada em, 16 de maio de 2014

Professores e servidores das Universidades Federal e Estadual do Piauí receberam a presidente Dilma Roussef com protestos, em Teresina, nesta sexta-feira (16). A presidente chegou ao Piauí por volta da 14h30 para cumprir agenda em solo piauiense. Os docentes se reuniram em frente ao auditório do Teresina Hall, onde ocorre a formatura de 1.300 alunos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e ao Emprego (Pronatec). Com faixas e cartazes, os professores pedem mais investimento para as duas universidades e com palavras de ordem afirmam que durante a Copa, o Brasil vai parar.

Presidente Dilma em cerimônia oficial em Teresina, no Piauí (Foto: Gilcilene Araújo/G1)
Presidente Dilma em cerimônia oficial em Teresina, no Piauí (Foto: Gilcilene Araújo/G1)

O protesto foi feito com bom humor. A professora Elziene Lilian, da Ufpi, foi fantasiada de Dilma, incluindo roupa e faixa presidencial. Simbolizando a falta de investimentos, os docentes realizaram uma encenação na qual eles abordavam a gestora com pedidos e reinvindicações, ao que a personagem respondia de forma negativa. “Não negocio com ninguém da Uespi ou Ufpi”, dizia a mulher fantasiada.

Apesar dos protestos, a chegada da presidente foi tranquila. A cerimônia de entrega de diplomas do Pronatec é realizada em uma casa de shows de Teresina.

A presidente Dilma Rousseff faz ainda nesta sexta-feira (16) a entrega de 982 casas do Programa Minha Casa Minha Vida na cidade de Parnaíba, Litoral do Piauí. As famílias sorteadas serão contempladas com unidades de três empreendimentos: Esplanada do Rosápolis 1, Caminho do Rosápolis 1A e Caminho do Rosápolis 1B, no bairro Rosápolis. Após a entrega, o local passará a ser chamado apenas de Residencial Dom Rufino. Esta é a terceira visita da presidente ao estado e a primeira à cidade que é porta de entrada para o Delta do Parnaíba, único das Américas.

Fonte: G1/Piauí


Revista Opinião