Polícia prende filho acusado de matar e queimar os pais em cidade do Piauí

Matéria publicada em, 6 de abril de 2013

Casal de idosos foi queimado dentro de casa
Casal de idosos foi queimado dentro de casa

A polícia prendeu neste sábado (6) dois homens suspeitos de matar um casal de idosos no município de Bocaína, a 324 quilômetros ao Sul de Teresina, crime ocorrido na quinta-feira (4).

Segundo informações da polícia, um dos presos é filho das vítimas e teria cometido o assassinato para roubar o dinheiro que o casal guardava em casa, proveniente da aposentadoria e da pensão dos dois idosos. Simão Leôncio de Araújo, tinha 75 anos e Maria José da Rocha 57.

Os presos são Mário Mariano da Rocha e Pedro Crisóstomo Rocha, que é filho da idosa. Eles foram presos no povoado Agrovila, Zona Rural de Bocaina. De acordo com a polícia, a dupla matou os idosos para obter cerca de R$ 3 mil que o casal guardava em casa. Os suspeitos foram levados para a Central de Flagrantes de Picos, a 306 quilômetros de Teresina.

O casal

Simão Leôncio e Maria José eram viúvos. Ele com quatro filhos e ela com três e há dez anos decidiram reconstruir a vida juntos e passaram a viver em uma comunidade pacata com cerca de 30 famílias, a Lagoa do Cajueiro, que fica na cidade de Bocaina-PI.

Entenda o caso 

No dia 4, quinta-feira última, a polícia encontrou um casal de idosos morto dentro de casa com sinais de violência. Segundo o delegado Gilberto Franklin, Simão Leôncio e Maria José da Rocha foram atingidos com várias facadas e em seguida queimados. “Os idosos estavam um sobre o outro e foram encontrados por uma filha menor do casal que chegava a residência”, disse.

Cozinha da casa
Cozinha da casa

Segundo familiares, o casal era gente simples e de boa índole, e não tinha nenhuma divergência ou desafeto conhecido. A principal motivação para a barbárie seria o dinheiro das duas pensões e aposentadorias recebidas pelas vítimas na última quarta-feira (3), uma quantia estimada em pouco mais de R$ 2.700,00.

Da Redação                                                              Fonte: G1 e foto: 180graus


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO