Portal Revista Opinião

Morte de lavrador de José de Freitas é investigada sob suspeita de meningite

Matéria publicada em, 20 de maio de 2012

Equipes médicas investigam a possibilidade da morte do lavrador Luiz César, 38 anos, de José de Freitas, falecido neste sábado (19) no Hospital de Urgências de Teresina (HUT), ter sido por dengue hemorrágica ou por meningite C.

Luiz César deu entrada no Hospital Nossa Senhora do Livramento, em José de Freitas, na última terça-feira (15), sentindo fortes dores de cabeça e febre. De lá, ele foi encaminhado para o HUT, onde veio a falecer na tarde de ontem. O lavrador era residente na localidade Alto do Meio, zona rural da cidade de José de Freitas.

Falando sobre a possibilidade de meningite como causa da morte do lavrador, a secretária de saúde de José de Freitas, Antônia Soares, disse que “o paciente foi internado com sintomas de dor de cabeça e febre. Como não respondeu a medicação foi transferido para o HUT. Ele não apresentava sinais de rigidez na nuca o que caracterizaria meningite. Quando o caso é confirmado o paciente é transferido para o Hospital de Doenças Tropicais Natan Portela, hospital de doenças infectocontagiosas”.

Em casos de meningite, a vigilância epidemiológica do Estado aciona o município para administrar medidas que impeçam a contaminação de outros pacientes e profissionais que tiveram contato com o paciente infectado.

“Acredito ainda que a morte pode não ter sido por meningite, pois a vigilância funciona 24h e ainda não recebemos nenhuma instrução para que as pessoas que tiveram contato comecem a tomar antibióticos”, disse Antônia Soares.

Se confirmado, a oficialização do caso deve ser repassada à secretaria de saúde de José de Freitas nesta segunda-feira ( 21).

Da Redação


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO