Portal Revista Opinião

Freitense de 56 anos com comorbidades morre no hospital HGV após contrair Coronavírus

Matéria publicada em, 25 de junho de 2020

O freitense Marcos da Cunha e Silva, 56 anos de idade, que residia na localidade Tanque deste Município, faleceu no início da manhã desta quinta-feira 25 de Junho 2020, em um dos leitos do hospital Getúlio Vargas em Teresina, após vários dias internado naquela casa de saúde, acometido da Covid-19, doença causada pelo novo Coronavírus, além de outros problemas de saúde.

Segundo informações apuradas junto aos familiares da vítima, Marcos estava morando no Rio de Janeiro, e após sofrer um AVC naquele Estado, retornou para sua terra natal, localidade Tanque, zona rural de José de Freitas, no qual chegou no último dia 3 de Junho, em seguida testou positivo para Covid-19 após sentir os sintomas da doença, ficando internado no Mini Hospital de Campanha da Covid-19 que fica ao lado do Hospital Nossa Senhora do Livramento, de onde foi transferido para Teresina.

Ainda segundo os familiares, Marcos era do grupo de risco da Covid-19, pois o mesmo era acometido de um AVC e estava com uma parte do fígado comprometido, agravando ainda mais seu estado de saúde após contrair o Coronavírus. Marcos era irmão do desportista Vitor e da Professora Rosário, pessoas bastante conhecidas em José de Freitas. O corpo foi levado do HGV em Teresina direto para o cemitério do Angelim, neste Município, onde foi sepultado.  Marcos era o único caso de coronavírus na localidade Tanque, segundo consta no boletim epidemiológico da Secretaria Municipal de Saúde.

Localidade Tanque, zona rural de José de Freitas

De acordo com o boletim epidemiológico divulgado na noite desta quarta-feira, 24, José de Freitas/PI, tem 122 casos de Covid-19 confirmados, 50 recuperados, 4 óbitos e 803 casos já foram descartados. Veja no demonstrativo abaixo a situação da pandemia em José de Freitas.


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO