Portal Revista Opinião

Mais um caso de negligência é denunciado contra o Hospital de José de Freitas

Matéria publicada em, 16 de julho de 2013

Mais um caso de negligência é denunciado contra o Hospital N. S. do Livramento, de José de Freitas. O caso é de uma criança de apenas  6 dias de vida que teve o atendimento negligenciado pelo médico plantonista na noite do dia 10 deste mês de julho.

HNSL

A denúncia foi feita através da rede social facebook, onde tia da criança fez um desabafo, contando da falta de atendimento médico naquele hospital na madrugada do dia 10. A postagem já tem quase uma centena de compartilhamentos.

“Então ele colocou aerozol na minha filhinha de apenas 6 dias de vida e passou uma receita para eu comprar um rémedio ,sendo isso 2:30 da madrugada.Depois disso mandou-me embora,notando-se claramente que minha filha só piorava.Fiquei indignada como é que uma criança que não sabe dizer onde dói,e o “médico” não coloca nenhum aparelho na criança,nem ao menos toca nela…”, escreveu a tia em sua timeline no facebook.

Segundo a tia, a recém-nascida faleceu ainda naquela madrugada, depois que por conta própria a família procurou atendimento médico na capital, Teresina, porém, antes de ser atendida a criança veio a óbito.

Este não é o primeiro caso de negligência no atendimento denunciado contra o HNSL. Em abril deste ano, a família do conhecido “Manoel Germano” ou “Seu Madruga”, acusou a mesma casa de saúde de não prestar o atendimento adequado ao aposentado, vendedor de picolés, que sofrera um acidente de moto a caminho de sua casa, no bairro Deus-Me-Deu no início da noite do dia 15 daquele mês, nesta cidade de José de Freitas.

Veja a postagem da tia da criança no facebook:

mãe e bb

Por Marquim do Frango


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO