Portal Revista Opinião

Jovem agoniza até a morte após sofrer uma profunda facada no pescoço em José de Freitas

Matéria publicada em, 30 de abril de 2020

O jovem Antônio Paulino Júnior, 20 anos de idade, vulgo ‘De Menor” com várias passagens pela polícia, foi morto na manhã desta quinta-feira 30 de Abril 2020, com uma profunda facada na garganta, crime ocorrido em uma Rua projetada no Bairro Deus Me Deu, preferia na cidade José de Freitas.

A reportagem do Revista Opinião, esteve no local, e apurou que o crime foi praticado por pelo menos dois homens que fugiram em uma motocicleta após esfaquear a vítima, que foi golpeado no pescoço em via pública, e mesmo ferido ainda caminhou alguns metros e caiu na calçada de uma residência, onde agonizou por alguns minutos, e em seguida morreu antes da chegada do socorro.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, SAMU, foi acionado, os profissionais de saúde Fabrício Cruz e enfermeira Toinha, ao chegar no local realizaram alguns procedimentos, porém a vítima já estava praticamente sem vida, não sendo possível fazer mais nada para salvar sua vida. No local ficou muitas manchas de sangue.

A cena do crime foi isolado por uma guarnição da Força Tática do 16° BPM, e na oportunidade o Sargento Alan, informou que a vítima tinha vários problemas com a polícia, e respondia inclusive alguns crimes na Justiça de José de Freitas, dentre eles arrombamentos, furto e envolvimento com o mundo das drogas, acrescentando ainda que era uma pessoa problemática, tendo inclusive muitos inimigos, fato que poder culminado no seu assassinato.

O pai da vítima, o autônomo Antônio Paulino, foi informado da morte do filho e ao chegar no local, ficou revoltado e falou que seu filho não merecia morrer daquela forma, mesmo sendo suspeito da prática de alguns crimes na cidade. Já somam três homicídios em um único mês na cidade de José de Freitas.


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO