Freitense é preso após se passar por ex-prefeito de José de Freitas e extorquir mulheres através do Whats

Matéria publicada em, 5 de novembro de 2018

Chagas Silva Para o Revista Opinião

Policiais da Divisão de Capturas (Dicap) realizaram em Teresina, a prisão do freitense conhecido como ‘Chico Pureza’ que se passava por ex-prefeitos para extorquir mulheres através do WhatsApp. Em uma das ações, uma das mulheres que foi vítima do acusado, teve R$ 90 mil roubados. O criminoso já estava sendo monitorado pela Polícia Civil.

Em entrevista ao programa Bom Dia Meio Norte, o delegado Lucy Keiko, afirmou que são incontáveis as famílias que o homem já vitimou. “Eu já tinha prendido ele em 2013, na época ele se fazia passar pelo Paulo Cesar Vilarinho, prefeito de Palmeirais, ele ligava para as mulheres que ele conseguia o telefone e começava a cantar as mulheres, falar pornografia , elas desligavam o telefone ele ligava novamente e ficava insistindo.

Em um dos casos, ele se fazendo passar pelo prefeito ligou para uma mulher que estava doente, com câncer, a mulher acreditou que era o prefeito, ele começou a pedir dinheiro, disse que era para campanha e que um empregado dele ia buscar a quantia, sendo que ele mesmo ia. Nessa brincadeira ele levou 90 mil reais dessa mulher, de forma fracionada em um período de um ano. Foi descoberto, fizemos a prisão dele na época, passou alguns meses preso mas ele estava foragido”, declarou

Segundo o delegado, o criminoso voltou a agir da mesma forma. “Agora ele passou a ligar para algumas mulheres casadas com a foto do Ricardo Camarço, ex-prefeito de José de Freitas, dizendo que era médico, que era político, que andava de Corolla e as mulheres pediam para ele não ligar, e ele falava pornografia para todas, elas ficavam com medo até de falar para o marido a ultima que foi vitima ele ligou para o trabalho dela, disse que era um caso de vida ou morte e a atendente repassou o número.

“Em outro caso, o marido de uma mulher que estava recebendo as ligações, foi um dia para o gabinete do prefeito para matá-lo, o prefeito me contou, esse indivíduo é muito perigoso, e ocasionar uma tragédia”, declarou. Chico Pureza é natural de José de Freitas, e estava morando em Teresina, onde foi preso pelo crime de extorsão.

FONTE; Portal Meio Norte

Revista Opinião