Portal Revista Opinião

Filas e atendimento da Caixa Econômica são destaques na última sessão da Câmara Municipal de José de Freitas

Matéria publicada em, 2 de junho de 2021

Por Jayranne Melo

As intermináveis filas e o atendimento  da agência da Caixa Econômica Federal de José de Freitas, Piauí, foi assunto destaque na última Sessão Ordinária da Câmara Municipal nesta terça-feira (01) e têm sido notícia desde o início do pagamento do auxílio emergencial, ora retornado pelo Governo Federal, uma realidade que expôs clientes e empregados do banco ao risco de contágio pela covid-19 fazendo, inclusive, aumentar o número de bancários infectados a cada dia, que compõem uma das categorias profissionais mais atingidas pelo coronavírus.

Pessoas aglomeradas em frente a agência

Ainda hoje, diuturnamente vemos pessoas se aglomerando sob o sol escaldante, e aguardando horas para serem atendidas por funcionários exaustos pela carga de trabalho imposta pelo ritmo de pagamento dos novos benefícios e pela pressão do banco para o atendimento das metas negociais.

Filas intensas na calçada de lojas que fica ao lado da agência

Em sessão, os Vereadores Roberval Santos, Dante Freitas e o Presidente da Casa, Vereador Tiago Pinto destacaram que precisa ser feito um planejamento para que o “desrespeito” que há com os usuários do banco, a população como um todo, seja solucionado pois por muitas vezes, o atendimento é lento, caixas eletrônicos não funcionam no “geral” deixando a desejar,  constrangendo a população que mais precisa desses serviços.

Presidente da Câmara Vereador Tiago Pinto

Eles também destacaram que deveriam haver mais terminais de atendimento tanto eletrônicos como exclusivo, para evitar as gigantescas e mortais filas nas agências da Caixa, onde tornaria o processo muito mais automatizado e contribuiria para o distanciamento social que, até agora, é a principal forma de evitar o amplo contágio pelo novo coronavírus.

Vereador e 1° Secretário Dante Freitas

Mas na contramão, o que vemos todos os dias, é um torturante “assassinato” a conta gotas, capitalizando o sofrimento dos milhões de brasileiros e brasileiras que precisam recorrer ao auxílio emergencial.

Vereador Roberval Santos

CONFIRA NA ÍNTEGRA AS FALAS DOS VEREADORES
Imagens: Jayranne Melo/ Redes Sociais

 


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO