Portal Revista Opinião

Ensino fundamental e médio poderá ter disciplina de educação fiscal

Matéria publicada em, 14 de outubro de 2011

Alunos do ensino fundamental e médio poderão ter aulas de educação fiscal na escola. A proposta de introduzir tal disciplina tem como objetivo mostrar a importância dos impostos e tributos para a vida econômica da nação, incentivando assim o controle social e o efetivo exercício da cidadania.

De acordo com a Agência Câmara de Notícias, a deputada Fátima Bezerra (PT-RN) propôs uma audiência pública com a Comissão de Educação e Cultura para debater o tema. O debate ainda não tem data marcada, mas os responsáveis pretendem discutir com economistas, tributaristas, advogados e pedagogos tal inclusão.

Controle do dinheiro

Fátima explicou que, atualmente, apenas os profissionais da área têm o domínio pleno dos assuntos referente aos impostos e tributos, no entanto,para ela, é um dever de todos os cidadãos terem conhecimento sobre os direitos e deveres fisco-tributários.

No caso das crianças e dos jovens, Fátima acredita que eles precisam de tais conhecimentos para construir uma visão do mundo mais realista, se tornando pessoas mais solidárias e crescendo com autonomia, liberdade de escolha e equilíbrio.

Semana Nacional da Educação Fiscal

Ainda falando de educação, entre outras propostas de deputada está a instituição da Semana Nacional de Educação Fiscal. Essa atividade seria um ciclo interdisciplinar composto de palestras, vídeos, mostras e concursos de redação, entre outros.

Um dos objetivos da semana é promover a compreensão da importância dos impostos e tributos para a saúde financeira nacional, ressaltou a deputada.

Fonte:  agência câmara de notícias


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO