Portal Revista Opinião

Criminosos invadem casa e matam costureira com três facadas em José de Freitas; polícia apreende faca

Matéria publicada em, 18 de janeiro de 2020

A costureira Maria do Socorro Morais, 54 anos de idade, foi assassinada na madrugada deste sábado, 18, com pelos menos três facadas, crime ocorrido na residência da vítima, no Bairro Princípio, zona urbana de José de Freitas, cujo o corpo foi encontrado por volta das 6 horas da manhã, preso em uma cerca de arame com três perfurações de faca.

De acordo com informações colhidas no local pela reportagem do Revista Opinião, os primeiros levantamentos da polícia militar, apontam um crime praticado por pelo menos três pessoas, a porta da cozinha da residência da vítima, foi arrombada, em seguida os autores invadiram o imóvel e praticaram o crime com requintes de crueldade. O interior da residência ficou totalmente revirado.

Veja como a vítima foi encontrado por populares já sem vida (Foto: Realidade em Foco)

Vizinhos informaram que a vítima morava sozinha e relataram ainda, que desconhecem qualquer tipo de envolvimento o mundo do crime, ressaltando ainda, que a falecida era uma boa vizinha e tinha um bom relacionamento com todos os vizinhos, Os moradores do bairro ficaram chocados como a crueldade.

O corpo foi periciado no local em seguida levado para o IML em Teresina, populares que testemunharam o trabalho da perícia, informaram que a vítima sofreu três perfurações, duas na região do tórax e uma próximo a virilha. Na cerca ficou cabelos e no chão manchas de sangue da mesma. O corpo foi sepultado no cemitério da localidade Vila Leleto, região do povoado Ema, deste Município.

DILIGENCIAS PARA DESVENDAR O CRIME

No início da tarde deste sábado, uma guarnição da polícia militar, do 16° BPM, localizou no quintal de uma residência, próximo ao campo florestal, uma bicicleta que segundo populares pertence a vítima e teria sido levada pelos assassinos, no local também foi apreendido uma faca peixeira, que tudo indica que foi usada no crime. Os objetos foram deixado no local por três pessoas, sendo dois homens e uma mulher, o trio reside em Teresina, e estava em José de Freitas, na noite do crime. O caso foi repassado para a polícia civil de José de Freitas investigar o caso.

Fotos: Chagas Silva


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO