Portal Revista Opinião

Bandidos queimam moto de freitense quando trabalhava em Lagoa Alegre

Matéria publicada em, 5 de janeiro de 2014

Nessa sexta-feira, 03 de janeiro de 2014, por volta das duas horas da madrugada, na cidade de Lagoa Alegre, bandidos invadem uma escola e queimam uma moto Honda ano 2010 de cor preta e placa NIO-4981- José de Freitas-PI, pertencente ao freitense Francisco das Chagas, mais conhecido como Chaguinha, que se encontrava em serviço naquela noite, onde trabalha como vigia.

Veja o estado da moto incendiada no local de trabalho da vítima

Veja o estado da moto incendiada no local de trabalho da vítima

Chaguinha, que é jogador da seleção de José de Freitas, trabalha como vigia na escola Pré-Escolar Vovó Belinha, no centro de Lagoa Alegre.

Segundo a vítima, tudo aconteceu quando ele estava em seu plantão na referida escola. “Eu estava na sala da diretoria quando a pessoa entrou e desligou a energia, eu não sei se ele tentou roubar a moto ou se ele já foi mesmo só pra incendiar a moto. Sei que quando eu me espantei foi pelo barulho da moto iniciando o incêndio. Aí eu abri a porta e corri pra tentar apagar, só que o fogo já estava era pegando no teto da escola também, minha preocupação era com as duas, porque eu estava com medo do tanque explodir e o fogo se alastrar pela escola. Quando o tanque explodiu eu cuidei foi de apagar o fogo da escola.”

Jogador Chaguinha teve sua moto incendiada por bandidos enquanto trabalhava em Lagoa Alegre

Jogador Chaguinha teve sua moto incendiada por bandidos enquanto trabalhava em Lagoa Alegre

Não se sabe ainda se Chaguinha foi vítima de uma tentativa de furto ou de um ato de vandalismo. A vítima e sua família estão muito preocupados e com medo por conta do acontecido. Ele disse ainda que não conseguiu registrar queixa na polícia, mas vai tentar nesta segunda-feira (06), e que provavelmente não volte mais a trabalhar naquela cidade, pois tem medo de represálias.

Da Redação


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO