Assaltante é preso em festa e, na confusão, menor é atingido com tiro na perna em José de Freitas

Matéria publicada em, 2 de julho de 2016

prisão-de-lucas-5Por volta das 22h30 desta sexta-feira, 1º de julho de 2016, um menor de 12 anos foi atingido com um tiro na perna no momento em que a Polícia Militar efetuava a prisão do acusado de assaltos Lucas Maciel da Costa e Silva, 22 anos, que se encontrava no meio de uma festa beneficente que acontecia no centro de José de Freitas-PI.

Segundo a Polícia Militar, Lucas Maciel da Costa e Silva, que já responde processo por arrombar a agência do Banco do Brasil de José de Freitas, minutos antes havia assaltado a Drogaria Santa Luzia, que fica ao lado da Igreja Nossa Senhora do Livramento, no centro da cidade.

Informações à polícia deram conta de que o acusado do assalto estaria camuflado em meio às pessoas que participavam do leilão e bingo beneficente na rua Juarez santos, no centro de José de Freitas. Policiais militares saíram a procura de Lucas Costa e o encontraram na referida festa.

Armado com uma faca, Lucas Costa reagiu à prisão com socos e pontapés e atirando cadeiras contra os policiais. Um PM teria atirado na direção do chão para intimidá-lo, tendo a bala resvalado na calçada e atingido a criança de 12 anos de idade que estava participando do pingo beneficente, segundo a versão da polícia.

O indivíduo foi imobilizado pelos policiais com a ajuda de populares. Já o adolescente, foi socorrido por populares que o levaram ao Hospital Nossa Senhora do Livramento, em José de Freitas, onde recebeu os primeiros cuidados e em seguida transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). A bala teria ficado alojada na perna do menor.

Já o suspeito, Lucas Maciel, foi levado para a Central de Flagrantes de Teresina-PI, onde foi autuado e se encontra recolhido à disposição da Justiça de José de Freitas.

Da Redação                                 Fonte: Saraivareporter


Revista Opinião