Após ameaça do Corinthians, Conmebol aumenta as premiações da Libertadores

Matéria publicada em, 22 de dezembro de 2015

Nesta segunda-feira, o Comitê Executivo da Conmebol aprovou o aumento dos valores de premiação aos clubes participantes da Copa Libertadores da América. Assim, o campeão da edição de 2016 levará para casa pelo menos US$ 7,25 milhões (cerca de R$ 29 mi na cotação atual).

Após pressão do Corinthians, Conmebol aumenta premiação da Libertadores
Após pressão do Corinthians, Conmebol aumenta premiação da Libertadores

O anúncio do aumento das premiações vem na esteira das ameaças de Andrés Sanchez, ex-presidente e atual superintendente do Corinthians, que falou até em tirar o Alvinegro da competição caso as compensações financeiras aos participantes não fossem melhoradas. Carlos Augusto de Barros e Silva, presidente do São Paulo, reforçou o protesto do dirigente rival e também teve suas pretensões contempladas.

Apesar do desafio de disputar a primeira fase, também chamada de ‘pré-Libertadores’, o São Paulo vai embolsar pelo menos US$ 400 mil (R$ 1,6 milhão) pela participação em tal etapa do torneio, com direito a um bônus de US$ 100 mil (R$ 400 mil) como ‘consolação’ em caso de eliminação.

A fase de grupos, cujas chaves serão conhecidas em sorteio nesta terça-feira, pagará um total de R$ 5,4 milhões a cada equipe. A bonificação é de R$ 1,8 milhão por jogo (como mandante).

Já no mata-mata, as bonificações são progressivas até atingirem os US$ 3 milhões (quase R$ 12 mi) que serão pagos ao campeão, enquanto o vice terá direito a metade desse valor, apenas por sua participação na final.

No total, se uma equipe que disputou a primeira fase levantar o troféu, levará quase R$ 31 milhões, enquanto um time que entrou na fase de grupos receberá os citados R$ 29 mi.

Tais valores representam um aumento de mais de 18% em relação ao total do que foi praticado em 2015. O River Plate, último campeão, recebeu US$ 6,1 milhões (R$ 24,4 mi pela cotação atual) ao fim da competição.

Veja os novos valores de premiações por fase:

Primeira fase: US$ 400 mil (R$ 1,6 milhão) + bônus de US$ 100 mil (R$ 400 mil) aos eliminados

Fase de grupos: US$ 1,35 milhão (R$ 5,4 milhões)

Oitavas de final: US$ 750 mil (R$ 3 milhões)

Quartas de final: US$ 950 mil (R$ 3,8 milhões)

Semifinal: US$ 1,25 milhão (R$ 4,9 milhões)

Vice-campeão: US$ 1,5 milhão (R$ 6 milhões)

Campeão: US$ 3 milhões (R$ 11,9 milhões)

Fonte: msn / estadão


Revista Opinião