Andrés quer criar ‘Dia do Corinthians’ em seu primeiro projeto como deputado federal

Matéria publicada em, 24 de fevereiro de 2015

Eleito com 169.834 votos, Andrés Sanchez (PT-SP) apresentou à Câmara seu primeiro projeto como deputado federal. Em texto formulado ao lado de Goulart (PSD-SP), o ex-presidente do Corinthians quer instituir o dia 1º de setembro como o “Dia do Corinthians” em todo o Brasil.

Andrés Sanches, ex-presidente do Corinthians quer instituir o Dia do Corinthians em todo o país
Andrés Sanches, ex-presidente do Corinthians quer instituir o Dia do Corinthians em todo o país

O projeto de lei de número “324/2015” foi apresentado no dia 11 de fevereiro e aguarda envio para o presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), para ser votado pelos demais parlamentares ou arquivado. Não existe qualquer prazo, contudo, para isso.

Parceiro de Andrés na elaboração do projeto, Goulart também é figura conhecida no Corinthians, tendo sido apoiado oficialmente pela torcida organizada Gaviões da Fiel, a maior do clube alvinegro. Ele foi eleito com 92.546 votos nas últimas eleições.

No texto do projeto, os dois deputados contam brevemente a história do Corinthians e lembram que a cidade de São Paulo instituiu o dia 23 de abril como “Dia do Torcedor Corinthiano”, na lei 14.399, de 5 de maio de 2007, proposta também por Goulart, então vereador.

“A história do Corinthians se funde com a própria história do esporte brasileiro e de sua sociedade, já que o Clube foi fundado por um grupo de operários e foi o primeiro clube de futebol paulista a aceitar jogadores pobres, além de ser o segundo no Brasil a aceitar atletas negros. Portanto a história do Corinthians, e sua contribuição para a sociedade brasileira, é muito maior do que simplesmente o jogo de futebol”, justificam os deputados.

Para ler, na íntegra, o projeto de lei de Andrés e Goulart, clique aqui.

Da Redação               Fonte: ESPN


Revista Opinião