VEJA: Acusado de agredir radialista durante tentativa de assalto em José de Freitas é posto em liberdade

Matéria publicada em, 4 de janeiro de 2019

Revista Opinião-Central de Polícia

Foi posto em liberdade condicional pela justiça de José de Freitas, através do advogado Dr. Paulo Campos, o ex-presidiário Francisco de Assis do Rêgo Filho, “Pão”, que estava preso na penitenciaria Casa de Detenção Pública no Município de Altos-Pi, deste do dia 04 de Setembro 2018, após invadir a residência e agredir o ex-secretário municipal de finanças, radialista e músico Cláudio Silva, fato ocorrido durante uma tentativa de assalto.

Francisco de Assis (Pão) na delegacia de polícia após sua prisão

O crime aconteceu na noite do dia 03 de Setembro na residência do radialista e ex-secretario de finanças da prefeitura de José de Freitas, na gestão do ex-prefeito Josiel Batista, na oportunidade a vítima estava em casa quando teve a mesma invadida por um elemento, portando uma arma de fogo, e durante luta corporal, Silva sofreu uma coronhada na testa, chegando perder muito sangue, sendo encaminhado para o hospital Nossa Senhora do Livramento e em seguida para o HUT em Teresina onde passou por alguns procedimentos médicos.

Ex-secretario municipal de finanças Claudio Silva após ser atacado pelo O acusado

Durante as investigações, policiais militares do 16ª BPM prenderam em uma casa localizada no Residencial Boa Esperança, bairro Suco de Uva, zona urbana de José de Freitas, Francisco de Assis, como principal autor do crime que segundo a polícia teve a participação de mais dois comparsas que também foram presos.

Militares chegando com acusado na delegacia de polícia de José de Freitas

Para defender o acusado na Justiça, a família contratou o advogado freitense Dr. Paulo Campos, que durante uma longa batalha nas esferas Judiciais, conseguiu na comarca de José de Freitas o alvará de soltura do seu cliente, que foi posto em liberdade condicional no dia 27 de Dezembro 2018, para responder o processo em liberdade, enquanto isso, o acusado terá que obedecer alguns normas da Justiça, até o julgamento final do crime.

Advogado Dr. Paulo Campos conseguiu na Justiça a liberdade condicional do acusado

Cabo Lima da polícia militar escoltando o acusado na delegacia de José de Freitas


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO