Acompanhe os principais fatos da sessão da câmara desta terça-feira

Matéria publicada em, 20 de março de 2013

Mais uma vez o plenário da casa ficou lotado de populares para acompanharem a sessão semanal da câmara municipal. Durante a sessão vereadores fizeram indicações de obras e serviços, apresentaram menção honrosa e também um parecer de Comissão.

Imagem de arquivo
Imagem de arquivo

As indicações ficaram por conta dos vereadores Zilzimar (PSB) e Claudomires (PV). Zilzimar indicou ao executivo a pavimentação das ruas Salustiano Campos, no centro, e Francisco Ângelo, bairro Tijuca. O vereador Claudomires (PV), fez uma indicação de recuperação e revitalização do monumento histórico da cidade conhecido como “Poço da Nação”, argumentando que durante a primeira década do século passado aquele era um lugar muito frequentado por pessoas de toda a região, além de servir como área de lazer e abastecimento d’água para parte do povo de José de Freitas. Claudomires solicitou à prefeitura a revitalização daquele local, que se encontra em completo abandono, servindo de depósito de lixo e de foco para doenças, construindo uma lavanderia pública naquele local.

Com uma Menção Honrosa, os vereadores prestaram ainda uma homenagem ao ex-vereador Francisco Torres de Araújo (Chico Torres), falecido na última segunda-feira (18). Chico Torres foi vereador entre os anos de1989 e 1992, inclusive presidindo aquela casa por dois anos, além de ter trabalhado no hospital local entre 1959 e 1992.

Ainda na sessão, a Comissão de Constituição, Justiça e Redação deu parecer favorável à descentralização da farmácia básica, que atualmente funciona na secretária de saúde, devendo agora funcionar nos postos de saúde nos bairros.

Alguns vereadores fizeram uso da tribuna, entre eles Zé Luís Pereira (PDT), que reclamou do inchaço da máquina pública, citando como exemplo o hospital municipal, onde há um excesso de prestadores de serviços. Já o vereador Castelo (PMDB), reclamou que alguns portais da cidade estão servindo de comitê político para alguns vereadores, fazendo propaganda eleitoral fora de época. “Parece até que a câmara municipal tem apenas quatro ou cinco vereadores…mas eu digo que são irresponsáveis da maneira como falam”, disse Castelo, referindo-se aos portais.

O vereador José Luiz Sousa (PSDC), respondendo ao questionamento do vereador José Luiz Pereira (PDT) sobre a superlotação de funcionários não efetivos no Hospital, disse que como vereador está ali para ser fiscal da lei. “Não estou aqui pra fazer vista grossa a administração de ninguém. Eu estou para defender o povo.” E acrescentou: “Sobre funcionários, eu só vou reclamar quando eu ver três, quatro meses [de salários atrasados], que eu acredito que não vai acontecer isso nunca, como aconteceu na gestão passada, né, aí é a vez deu fiscalizar e chegar aqui falando”, concluiu.

Por sua vez, o vereador Roberval Santos (PMDB) lamentou o pronunciamento do vereador José Luiz Sousa, que disse esperar quatro meses de salários atrasados para poder reclamar. Roberval Santos disse: “Nobre companheiro e colega Zé Luiz Sousa, é lamentável que você se pronuncie da maneira como você está se pronunciando. Você quer que atrase quatro salários pra se tomar providência. Nobre vereador, nós estamos aqui é pra não acontecer nem um mês de salário atrasado. Depois de quatro salários atrasados é que você vai querer se manifestar. Nós não vamos ter mais como recuperar pra pagar esses outros [salários]. É por isso [falta de fiscalização] que nas gestões anteriores aconteciam o que aconteceu no final do mandato.”

As sessões legislativas ocorrem todas as terças-feiras no Plenário da Câmara Municipal de José de Freitas, situada na Praça Gov. Pedro Freitas, no centro da cidade.

Da Redação


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO