Portal Revista Opinião

PV aciona o Ministério Público pedindo intervenção quanto ao atendimento de ofícios feitos à Câmara Municipal

Matéria publicada em, 2 de junho de 2011

Ontem (1º de junho), às 9 horas da manhã, o presidente do Partido Verde de José de Freitas, Francisco Alves Nunes, acompanhado de Elisa Soares – Secretária de Mulheres do PV, e dos filiados ao Partido Verde, Marquin do Frango, Aerton Tingaúna e Rubens Rocha, protocolou um ofício, na presença dos dois promotores locais,  requerendo intervenção do ministério público no atendimento aos ofícios protocolados junto à presidência da câmara municipal de vereadores, que passados os prazos legais, não foram atendidos.

Representantes do PV de José de Freitas com Promotores Públicos

Os ofícios encaminhados à câmara a que se referem o protocolo feito junto ao Ministério Público, requerem da presidência daquela casa, os seguintes documentos:
1 – Lista de presença dos vereadores nas sessões no período de janeiro/2010 a abril/2011;
2 – Relação nominal dos assessores dos vereadores;

Na oportunidade, o presidente do PV, Francisco Alves Nunes, aproveitou para protocolar junto ao MP outros pedidos à câmara municipal, como cópias do Regimento Interno, da gravação da sessão do dia 17 de maio de 2011, e dos valores dos subsídios dos vereadores e seus respectivos assessores.

Segundo o Promotor Écio Otto, a câmara terá um prazo de 15 dias para atender aos pedidos solicitados pelo PV.

Da Redação


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO