Presa usuária de drogas acusada de tentar matar desafeta no centro de J. de Freitas

Matéria publicada em, 10 de junho de 2018

Chagas Silva Revista Opinião

Uma guarnição da polícia militar do Piauí, lotada do 16° Batalhão de José de Freitas, prendeu na madrugada deste domingo, 10, a ex-presidiária e usuária de drogas Mônica Lorena da Conceição, 26 anos de idade, acusada de tentar assassinar sua rival Leilane Cristina da Silva, 27 anos, fato ocorrido no terminal rodoviário desta cidade por volta das 04:00 horas da manhã.

Acusada Mônica Lorena, presa em José de Freitas

De acordo com o Cabo Ramylson, Lorena usou gargalo de garrafa para cometer o crime, durante as agressões Leilane foi lesionada no braço, cabeça e costas, ficando gravemente ferida, perdendo bastante sangue. A mesma foi socorrida por uma equipe da Guarda Municipal, e levada para o hospital local, onde recebeu atendimento médico e não corre risco de morte.

Cabo Ramylson efetuou a prisão da acusada

Após a violência, a polícia militar assumiu a ocorrência e localizou e prendeu a agressora ainda no local do crime. Na manhã deste domingo, 10, a acusada foi encaminhada para Central de Flagrantes em Teresina, onde foi autuada pela polícia civil e colocada a disposição da justiça.

Viatura da PM momento que seguia para o local do crime

Segundo o que apurou o Revista Opinião, as duas são rivas, e no passado, Lorena já teria tentado matar Leilane, que foi esfaqueada e escapou. Lorena tem já várias passagens pela polícia.

Lorena na central de Flagrantes em Teresina

Fotos: Revista Opinião


Revista Opinião