Portal Revista Opinião

“Governo não negociará com grevistas”, avisa Robert Rios

Matéria publicada em, 15 de abril de 2011

Robert Rios

O secretário estadual de Segurança, Robert Rios Magalhães, declarou ao Cidadeverde.com que o governo não irá negociar com os policiais civis por considerar a greve, deflagrada nesta sexta-feira (15), ilegal. O governo se baseia em parecer da Procuradoria Geral do Estado sobre decisão do desembargador Augusto Falcão, do Tribunal de Justiça do Piauí.

 

Robert Rios disse que a proposta que o governo pode arcar já foi apresentada e recusada pelos policiais, que querem aumento de 24% integral, como prevê o acordo judicial de 2010, ou parcelado em quatro vezes até o fim do ano. O Estado propõe parcelamento até o novembro de 2012. A negociação foi feita antes da categoria cruzar os braços.

O secretário também comentou que o primeiro dia de paralisação foi de “céu de brigadeiro” para a segurança. Não foi necessário, segundo Robert Rios, reforçar as delegacias com policiais militares, mas isso será feito quando for preciso. Uma liminar da Justiça autoriza tal situação durante a greve.

Robert Rios informou que a Central de Flagrantes foi transferida da rua Coelho de Resende, no Centro, para o quartel das Rondas Ostensivas de Natureza Especial – RONE -, na zona Norte.

Da Redação Fonte: cidadeverde


Revista Opinião
ESPORTES
ENTRETENIMENTO